Fonte: Fernando Guerra | FG+SG @Fundação de Serralves, All rights reserved

Sobre

O primeiro filme a cores de Truffaut une o humor negro sardónico do realizador francês com a alegoria política da novela homónima de Ray Bradbury. Naquilo que era uma imagem distópica do futuro nos anos 1960 – e que o presente confirmou em grande medida –, tudo está dominado pelo audiovisual (as paredes são gigantescos ecrãs de televisão) e a leitura tornou-se um ato subversivo. Todos os livros estão condenados ao fogo (451º Fahrenheit é a temperatura a que arde um livro), sendo o protagonista um dos membros das brigadas de inceneração. Para preservar a literatura, contra a barbárie, vários homens e mulheres dedicam-se a memorizar obras inteiras, para que estas se salvem do esquecimento.

Quando

Domingo, 12 Junho 2022 18:00-20:00

Galeria

  • Preço
    Adulto: 3€
    Jovens e Seniores (+65 anos): 1.50€
  • Promotor
    Fundação de Serralves
  • Audiência Alvo
    Público em Geral
  • Visit Porto

    2022-04-13